Andrey do Amaral: agente literário, autor, professor de literatura

Minha foto
Brasília, Distrito Federal, Brazil
Andrey do Amaral (1976), professor de literatura, licenciado em Letras com pós-graduação em Língua Portuguesa, Gestão Cultural, Educação a Distância, Acessibilidade Cultural e um MBA em Marketing. Com seu trabalho, recebeu — entre outros — prêmios da Fundação Biblioteca Nacional (2002), Ministério da Cultura (2008), Fundação Casa de Rui Barbosa (2010), Letras Nordestinas (2011). Além destes, a Vara de Infância e Juventude do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Território (TJDFT) concedeu-lhe um prêmio por suas iniciativas de projetos socioculturais (2014). Seus livros autorais foram publicados pela editora Ciência Moderna. Dedica-se à pesquisa da vida/obra do poeta paraibano Augusto dos Anjos. Presta consultoria sobre projetos sociais e editoriais, desenvolvendo produtos nessas áreas. Trabalhou nas Diretorias de Direitos Intelectuais e de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas, ambas do MinC. É parecerista de projetos culturais do Ministério da Cultura, das Secretarias de Cultura do Distrito Federal e do Estado do Mato Grosso do Sul e dos municípios de Uruaçu-GO, Campo Grande-MS e Lages-SC. É também agente literário de grandes autores nacionais.

O que fazemos?

Venda de livros. Agenciamento literário sustentável, pensando em acessibilidade e no fomento cultural. Consultoria e representação. Promoções, matérias, reportagens, indicações, nossos autores agenciados, licitações, prêmios literários, orientação, dicas sobre publicação e muito mais.

Clique no banner e compre na Livraria Cultura

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Vestindo Cultura

O projeto Vestindo Cultura chegou em sua fase de desfiles. Estilistas da cidade leram livros de escritores selecionados e adaptaram personagens que virarão figurinos no desfile mais badalado do DF. O centro de moda do IESB apoia o evento e cedeu o espaço do auditório para negócios e networking. Patrocinado pelo Governo de Brasília, por meio do Fundo de Apoio à Cultura da Secretaria de Cultura do Distrito Federal, o Vestindo Cultura é um projeto inovador e inclusivo; promove a economia criativa e propõe acesso ao livro e à leitura. Mais informações no banner abaixo.

Andrey do Amaral
Agenciamento literário e representação

segunda-feira, 11 de julho de 2016

O poder terapêutico das histórias

Você conta para o mundo uma história de realização e alegria ou uma história de sofrimento e vitimização? Qual é a personagem que lhe representa no palco da vida? Expanda a sua própria Espiritualidade e o seu Autoconhecimento por meio da Arteterapia e das histórias. Que tal construirmos um mundo melhor? Participe do Workshop! Últimas vagas! Garanta já a sua! Eu recomendo.
 
 
 
Andrey do Amaral
Agenciamento literário e representação

sexta-feira, 1 de julho de 2016

Registro Vestindo Cultura

Lançada a 4ª edição do já prestigiado evento Vestindo Cultura. Abraçado pelo CineCult, projeto que exibe filmes não comerciais e propõe um debate acerca de temas propostos. O audiovisual exibido foi Dior e Eu (com Jennifer Lawrence e Sharon Stone, dirigido por Frederic Tcheng). Houve participação de uma modelo da agência Scouting e um mini desfile no interior do teatro do Brasília Shopping.



Como o projeto é de literatura, estiveram presentes os escritores Rafael Alvarenga (Meu primeiro dia de aula, Nova Alexandria), Karla Calasans (Nas bordaduras de um botão) e Clotilde Chaparro, autora do best seller Duzinda, (ambas da Pergunta Fixar). Todos os escritores participantes doaram seus títulos os quais foram utilizados como um mimo. Os organizadores colocaram os livros embaixo das cadeiras e, em um momento específico, foi anunciado que alguns os presentes verificassem se havia algum livro nas poltronas. Foram 22 livros doados.

O público prestigiou e lotou o teatro. Segundo a organizadora do CineCult, Íria Martins, foi uma das noites mais cheias que o teatro já teve.

Este projeto mistura as linguagens artísticas Literatura e Moda, tem o patrocínio da Secretaria de Cultura do Distrito Federal, por meio do Fundo de Apoio à Cultura, e já se consolidou no calendário cultura do DF.



Andrey do Amaral
Agenciamento literário e representação

quinta-feira, 30 de junho de 2016

Lançamento do Vestindo Cultura 2016

O Projeto Vestindo Cultura chega na quarta edição mesclando cinema, literatura, moda e entretenimento. Patrocinado pela Secretaria de Cultura do DF, por meio do Fundo de Apoio à Cultura, trata-se de um projeto de literatura que se mistura à moda, promovendo o incentivo à leitura e o acesso aos livros. A programação deste ano inclui palestras, seminários, exibição de documentário e desfile de moda com figurinos baseados em livros de gêneros diversos de escritores agenciados por Andrey do Amaral.

A abertura do projeto acontece no dia 30 de junho, às 19h30, no teatro do Brasília Shopping, com a apresentação do documentário Dior e Eu, com Jennifer Lawrence e Sharon Stone, dirigido por Frederic Tcheng. A apresentação ocorre dentro da programação do CineCult, com curadoria de Iria Martins, e tem entrada franca.

Para receber os convidados, uma modelo da agência Scouting estará caracterizada como a atriz do filme, vestindo uma recriação de Dior assinada pelo estilista André Kalagry que também estará no evento para apresentar a criação.

O filme propõe um olhar interno do mundo da moda: ele mostra o que acontece nos bastidores da alta costura e as tensões e desafios para a realização do primeiro desfile comandado pelo estilista Raf Simons que tinha apenas oito semanas para criar e planejar todos os detalhes da apresentação.

Mídias sobre esta 4ª edição (clique nos nomes abaixo para abrir as reportagens):


Andrey do Amaral
Agenciamento literário e representação

quarta-feira, 29 de junho de 2016

Literatura na Estrutural

Ações descentralizadas são o foco do coletivo Transversalidades. Trabalhar com cultura em espaços alternativos, levando acesso de literatura, artesanato, audiovisual, é promover cidadania. Neste momento, o coletivo escolheu a Cidade Estrutural para receber atividades de cultura em debates literários. Com o apoio da Secretaria de Cultura do Distrito Federal, por meio do patrocínio do Fundo de Apoio à Cultura (FAC), essa atividade literária promove o empoderamento e a troca de saberes fora dos centros urbanos com a participação de escritores. 

Transversalidades trabalha a cultura em locais de vulnerabilidade social com a participação ativa do morador local, sendo ele parte do processo de construção das discussões literárias e não como mero expectador.  A escritora Clotilde Chaparro, que prontamente aceitou o convite, estará também presente no debate, palestrando sobre mulher e formas de violência - tema de sua obra. A mesa será mediada pelo agente literário Andrey do Amaral. 

O evento é público e gratuito, dia 09/07, às 10h, na Associação São Francisco de Assis, Estrutural-DF. Contato e informações: transversalidades.cultura@gmail.com / (61) 9.8457-7131.
.
Andrey do Amaral
Agenciamento literário e representação


sexta-feira, 24 de junho de 2016

RIP Marylene Kern

Estamos de luto. Marylene Kern, a produtora que escolhemos para nos auxiliar no Vestindo Cultura faleceu hoje (24/06). Ela estava conosco desde a 2ª edição do projeto. Descanse em paz. Conforto à família e amigos.
 
 
Andrey do Amaral
Agenciamento literário e representação



quarta-feira, 22 de junho de 2016

Prêmio Innovare 2016

Estivemos nesta quarta-feira (dia 22) na Biblioteca Braille Dorina Nowill em uma roda de bate-papo para falar de projetos sociais de acessibilidade cultural e inclusão a pessoas com deficiência. Os projetos do agente literário Andrey do Amaral estiveram na roda de debates por sua capilaridade. Entre os citados, estão o projeto Leitura para Todos (que recebeu o prêmio Machado de Assis, 2008) e o Segunda Chance (que recebeu o prêmio da Vara da Infância e Juventude do TJDFT, 2014). Discutiu-se também a possibilidade de uma mostra de cinema nas 26 bibliotecas do Distrito Federal, a convite da Diretora de Bibliotecas Graça Pimentel. Como convidada também participará da mostra como debatedora sobre a questão da mulher a escritora premiada Clotilde Chaparro, autora do best seller Duzinda (Pergunta Fixar, 2016). Sobre os projetos debatidos, a Biblioteca Braille concorre ao Prêmio Innovare 2016.

PUBLICIDADE: Compre no Submarino clicando aqui