Andrey do Amaral: agente literário, autor, professor de literatura

Minha foto
Brasília, Distrito Federal, Brazil
Andrey do Amaral (1976), professor de literatura, licenciado em Letras com pós-graduação em Língua Portuguesa, Gestão Cultural, Educação a Distância, Acessibilidade Cultural e um MBA em Marketing. Com seu trabalho, recebeu — entre outros — prêmios da Fundação Biblioteca Nacional (2002), Ministério da Cultura (2008), Fundação Casa de Rui Barbosa (2010), Letras Nordestinas (2011). Além destes, a Vara de Infância e Juventude do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) concedeu-lhe um prêmio por suas iniciativas de projetos socioculturais (2014). Seus livros autorais foram publicados pela editora Ciência Moderna. Dedica-se à pesquisa da vida/obra do poeta paraibano Augusto dos Anjos. Presta consultoria sobre projetos sociais e editoriais, desenvolvendo produtos nessas áreas. Trabalhou nas Diretorias de Direitos Intelectuais e de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas, ambas do MinC. É parecerista de projetos culturais do Ministério da Cultura, das Secretarias de Cultura do Distrito Federal e do Estado do Mato Grosso do Sul e dos municípios de Uruaçu-GO, Campo Grande-MS e Lages-SC. É também agente literário de grandes autores nacionais.

O que fazemos?

Venda de livros. Agenciamento literário sustentável, pensando em acessibilidade e no fomento cultural. Consultoria e representação. Promoções, matérias, reportagens, indicações, nossos autores agenciados, licitações, prêmios literários, orientação, dicas sobre publicação e muito mais.

Clique no banner e compre na Livraria Cultura

quinta-feira, 24 de julho de 2014

Mostra de Literatura

Aconteceu no dia 24/07 pelo projeto Mostra de Literatura, o Encontro com Alunos do CEF 01, da Vila Planalto, aberto também à comunidade local. O evento foi marcado pela presença dos escritores Rafael Alvarenga, autor de Meu Primeiro Dia de Aula, Alex Bonifácio, autor de Pense Grande, Custódia Wolney, autora de Kalunga e outros, e André Giusti, autor de Histórias de Pai, Memórias de Filho.


As palestras aconteceram no auditório da escola com interação dos alunos, dos professores e da comunidade. Todos os autores participantes doaram seus títulos para a biblioteca do colégio. O que mais impressionou os participantes foi a disciplina e o comportamento da plateia. Mas também, quem é que não se apaixona pela ministração de Alex, Ándré e Custódia?


Rafael Alvarenga foi a exceção. Diferentemente dos outros três escritores, ele preferiu uma contação de história sobre o seu livro em cada sala de aula dos pequenininhos. Meu Primeiro Dia de Aula foi um sucesso em todas as turminhas das séries iniciais.


As crianças pediram que o escritor voltasse logo à escola. As professoras também quiseram a participação do ilustrador, sugerindo uma oficina de desenho.

Tanto crianças quanto adolescentes, professores, auxiliares de educação, comunidade e equipe técnica do projeto se encantaram com a sensibilidade e o envolvimento dos escritores com o público leitor. Isso é prova de que nosso projeto está dando resultado. Somente na prévia da Mostra de Literatrua, obtivemos a presença de mais de 560 pessoas.

Essa ação cultural conta com o patrocínio da Secretaria de Cultura, do Governo do Distrito Federal, por meio do Fundo de Apoio à Cultura (FAC).

Para saber mais, visite o site do projeto: www.mostradeliteratura.com.br e nos acompanhe em nossas redes sociais.

Andrey do Amaral
Agenciamento literário e representação

PUBLICIDADE: Compre no Submarino clicando aqui